Os principais objetivos deste plano de retomada são preservar vidas e reduzir os riscos de contaminação por meio de uma maior racionalidade do processo de reabertura das atividades econômicas, evitando aglomerações nos momentos de entrada e de saída dos trabalhadores. 

 

As premissas para a reabertura são:

1. A preservação de vidas está em primeiro lugar.

2. A tomada de decisão segue critérios técnicos e científicos, pautados por indicadores epidemiológicos relativos à intensidade de transmissão e isolamento social, assim como pela capacidade instalada do sistema de saúde.

3. A retomada das atividades deve será gradual e progressiva, para preservar a capacidade do sistema de saúde e deverá obedecer os protocolos setoriais.

4. A transparência e o diálogo com segmentos sociais e empresariais são fundamentais.

5. A flexibilização acompanha, sempre, a garantia proteção social para a população vulnerável.

6. Toda decisão terá seus resultados monitorados, de forma a permitir, se necessário, reação rápida na alteração das medidas implantadas.

 

FASE VERDE - ATUALIZAÇÃO EM 23 DE JULHO DE 2021:

‣ Restrições de atividades de forma pacial
‣ Escalonamento de horários 
‣ Toque de recolher da 1h às 5h 

 

DETALHAMENTO DA FASE VERDE:

 

 

*Excepcionalmente a Praia do Porto da Barra só está liberada de terça-feira a domingo.

 

> Atividades com horários e dias livres devem respeitar o toque de recolher.


 
O trabalho remoto deve ser estimulado.
 
As praias e os parques públicos municipais estão liberados no feriado.
 As atividades deverão observar obrigatoriamente os protocolos setoriais para funcionamento.
 

• Fica autorizada a realização de evento sociais e infantis:
 - 09/07 a 15/07 - público limitado a 100 pessoas;
 - A partir do dia 16/07 - público limitado a 200 (desde que o percentual de ocupação de leitos de UTI COVID adulto esteja em patamar igual ou inferior a 60%, considerando o total de leitos disponível).