Responsive image

 

Protocolo Geral

Isolamento Social

  • Manter isolamento domiciliar para pessoas do grupo de risco.
  • Priorizar o teletrabalho ao trabalho presencial, assim como reuniões por teleconferência.

Distanciamento Social

  • Manter distância mínima de 1,5m entre qualquer pessoa.
  • As estações de trabalho que não atendam ao distanciamento mínimo devem utilizar barreiras físicas entre as pessoas.
  • Demarcar no chão as posições de fila (ex: espera ou pagamento) e assentos de espera/atendimento, respeitando o distanciamento mínimo.
  • Evitar controle de acesso com contato físico (ex: biométrico ou catracas).
  • Limitação de acesso aos elevadores à 30% da capacidade.

Restruturação de Serviços

  • Adotar regimes de escala, revezamento, alteração de jornadas e/ou flexibilização de horários de entrada, saída e almoço, sempre de forma padronizada, assim como revezar horários de utilização de espaços comuns (ex. refeitórios e vestiários).
  • Priorizar o funcionamento com agendamento prévio e serviços online, com entrega à domicílio ou retirada no local.
  • Viabilizar atendimento diferenciado para grupos de risco (ex: atendimento preferencial).
  • Proibição de prestação de serviços de manobristas.
  • Priorizar pagamento via transferência digital ou cartão de crédito e similares.
  • Instalar barreira de acrílico no caixa, se possível, e/ou exigir utilização de máscara shield.
  • Cobrir meios de pagamento com filme plástico para facilitar higienização após cada uso.

Proteção Individual

  • O uso de máscara facial é obrigatório para todos (funcionários e clientes), recomendando-se as de tecido não tecido (TNT) ou tecido de algodão.
  • É obrigação do empregador fornecer EPIs e as máscaras faciais em quantidade adequada para cada trabalhador.
  • Segundo a OMS, a utilização de luvas é recomendada apenas para profissionais de saúde e cuidadores de pessoas com Covid-19.

Higienização Pessoal

  • Disponibilizar kit completo para higienização nos banheiros (álcool gel 70% e/ou preparações antissépticas ou sanitizantes de efeito similar, sabonete líquido e toalhas de papel não reciclado) e kits à base de álcool gel 70% nos locais visíveis, de maior fluxo de pessoas e/ou de maior contato constante (ex: entrada, caixa de pagamento, escadas e elevadores).
  • Exigir que clientes ou usuários higienizem as mãos com álcool em gel 70% ou soluções de efeito similar ao acessarem e saírem do estabelecimento. 

Higienização do Espaço

  • Antes, durante e após o período de funcionamento, reforçar a sanitização do ambiente com álcool em gel 70% e/ou preparações antissépticas ou sanitizantes de efeito similar;
  • Os banheiros devem ser higienizados constantemente;
  • Os meios de pagamento devem ser higienizados após cada uso;
  • As superfícies de toque higienizadas no mínimo a cada 2 horas;
  • As demais áreas devem ser higienizadas antes da abertura e no fechamento do estabelecimento. 

Comunicação

  • Realizar treinamento semanal com funcionários sobre os protocolos aplicáveis à sua atividade;
  • Implementar medidas de comunicação em pontos estratégicos para funcionários, clientes e usuários sobre o protocolo, com cartazes, sinais, marcações, dentre outros;
  • Colocar sinal indicativo de número máximo de pessoas permitido no estabelecimento. 

Monitoramento

  • Estabelecimentos com área igual ou superior a 200m² devem aferir a temperatura dos colaboradores, prestadores de serviço e clientes na chegada ao ambiente de trabalho, impedindo a entrada caso a temperatura esteja igual ou superior a 37,5°C;
  • Afastar os colaboradores para isolamento domiciliar de 14 dias que testarem positivos para Covid-19, tenham tido contato ou residam com caso confirmado de Covid-19 ou apresentarem sintomas de síndrome gripal e monitorá-los;
  • Realizar a segregação dos colaboradores entre as diferentes áreas de serviço.